O teatro como mais um elemento na conscientização e combate às drogas

Preocupados e instigados pelo desafio de enfrentar um dos maiores problemas da atualidade, alunos do 8º ano da Escola Municipal Lygia Magdala, em Frexeiras, mobilizaram toda a turma com o objetivo de alertar a sociedade sobre os males e prejuízos que as droga podem causar às pessoas, às famílias e à sociedade.

Desenvolvido pela professora Adriana Ferreira, da disciplina Artes, o trabalho contou com o apoio dos estudantes, da coordenação pedagógica e da gestão. No total, foram 30 jovens que utilizaram a linguagem do teatro e da expressão corporal para dialogar sobre um tema tão complexo.

“Quando o assunto são as drogas, o principal papel da escola deve ser a prevenção primária, ou seja, evitar a experimentação por meio da redução de fatores de risco e do reforço de fatores de proteção” declarou o gestor da escola, Dayvison Santos.

O debate sobre as drogas não deve ser traduzido como mais uma tarefa cotidiana do educador, abordado simplesmente de forma pontual. Pelo contrário, precisa ocorrer dentro do contexto pedagógico, como um trabalho de reflexão e de estímulo ao desenvolvimento do pensamento crítico.

Com mais este trabalho a escola pretende enfatizar que os estudantes sejam responsáveis por suas ações, façam escolhas saudáveis e desenvolvam o protagonismo e a autonomia. Além disso, a escola deve ser um ponto de convergência de programas e projetos que visem a promoção de saúde em toda a comunidade onde está inserida.

Prefeitura da Escada: o trabalho vai continuar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s