FUNDEB

FUNDEB de setembro é o menor dos últimos 17 meses

Dados de transferências constitucionais realizadas para o município de Escada, através do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), revelam cenário cada vez mais preocupante.

Com exatos R$ 2.170.454,99 transferidos em setembro deste ano, os recursos que administram pagamentos de professores, demais servidores da Educação e manutenção da rede de ensino vêm apresentando quedas constantes.

Com média de R$ 2,68 milhões por mês em 2019, a diferença em comparação ao mesmo período de 2018 é de apenas 2,65%. A taxa de crescimento dos recursos é, portanto, menor do que os 4,17% (em três parcelas) concedidos aos professores na última negociação deste ano. Da mesma forma, o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços – ICMS também é o segundo menor num período de 17 meses.

Diante das dificuldades e queda dos recursos, a folha de pagamento dos servidores da educação, incluindo os encargos, alcança R$ 2.740.000,00 mil reais. Ou seja, as despesas com folha de pagamento ultrapassam em mais de R$ 500 mil reais acima dos recursos recebidos pela prefeitura.

“Já conversamos com o sindicato e mostramos que as dificuldades têm se mantido e, no caso das transferências do governo federal, estas dificuldades vêm aumentando. Defendemos que o diálogo no momento é o nosso principal caminho”, defende John Kennedy, Secretário de Educação.

Prefeitura da Escada: o trabalho continua.

Categorias:FUNDEB, Notícias Recentes, Transparência

Marcado como:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s